Três anzóis para piapara

Espécie é manhosa e a escolha do melhor anzol faz parte desta pescaria

Muitos pescadores tem verdadeira obsessão pela espécie. Investem e pesquisam em iscas. Vão até lugares bem distante de casa para fisgar os maiores exemplares. Mas, um detalhe é fundamental: o anzol. Consultamos Juninho – uma verdadeira autoridade desta pescaria – e separamos quatro dicas de anzóis para piapara. 

As piaparas costumam atacar a isca de maneira muito sútil. Por isso, a escolha do anzol deve ser bem feita

Mustad 92624

Feito arame de aço de super resistência, na cor dourada. Tem características únicas, começando pela cor que quando usado com milho ou massa, camufla o anzol. Além disso, tem a perna mais comprida, que se torna um possível substituto do encastoado. Outra característica deste modelo é a ausência de farpas externas, que lhe concede maior resistência.

Este modelo pode ser usado com alguns grãos de milho, uma isca eficiente para a espécie

Meitou Maruseigo

Com este modelo de anzol capturei em Junho de 2012 uma das maiores Piaparas de minha vida, 6,450 kg aferida em balança digital Rapala. Para isso, usei o nº 14. Confeccionado em aço carbono de alta qualidade tem resistência à corrosão. Um detalhe é a ponta afiada quimicamente. É fabricada no Japão.

Este modelo é bastante resistente e dá mais segurança quando um grande exemplar acaba fisgado

Tinu Kawasemi

Um dos melhores anzóis no formato padrão Tinu  é confeccionado com um aço carbono especial. Isto o confere uma resistência superior. Sua ponta afiada quimicamente possibilita fisgadas precisas.

Feito com um material resistente, possui uma ponta bem afiada que ajuda na fisgada das piaparas