9   +   2   =  

Paraná proíbe a pesca do dourado por 8 anos

Governadora sancionou a Lei que prevê multa de até R$ 100 mil para quem descumpri-la

A governadora Cida Borghetti (PP) sancionou a Lei que proíbe a pesca do dourado nos rios do Paraná. Sendo assim, apenas o pesque-e-solte da espécie está permitido por 8 anos a partir de 2019. O transporte, o embarque e a venda deste pescado renderão uma multa de R$ 1 mil a R$ 100 mil.

“Aprovamos esta elei, porque a captura controlada por um período vai garantir a preservação da espécie nos rios paranaenses”, declara a governadora.

Autor do projeto, o deputado Estadual Luiz Carlos Martins (PP), comemorou a decisão da governadora. Ambos deixam os cargos em 2018.

Martins lembra que o vizinho Mato Grosso do Sul também pode aprovar uma lei protecionista da espécie. Resta apenas a sanção do governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

O dourado é um dos peixes que mais movimentam a cadeia produtiva do turismo da pesca

“Corríamos o risco de que houvesse uma corrida de pescadores do estado vizinho para cá. Isto aumentaria de forma descontrolada o risco de extinção da espécie”, explica Martins.

Fiscais do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e a Polícia Ambiental vão reforçar as ações de fiscalização.