3   +   7   =  

Cubano detém o recorde de menor peixe pescado no Brasil

Autor da façanha é obcecado por recordes e possui exatos 432 registros na IGFA

Por Lielson Tiozzo

Vislumbrar o recorde dos maiores peixes do mundo parece algo natural. Mas e ter o mais leve de todos? O cubano Martin Arostegui simplesmente possui exatos 432 registros na IGFA. E um deles é o recorde do menor peixe pescado no Brasil. Trata-se de um exemplar de saragui com 0,450 g, pescado no Rio Unini, em 2005.

O saragui (Chalceus macrolepidotus) é um peixe ornamental encontrado na Amazônia. Os maiores exemplares podem chegar perto de 25 cm de comprimento. Por isso, quem iria se interessar por essa captura, ainda mais pensando em recorde?

Arostegui é simplesmente o pescador com o maior número de registros da IGFA. Muitos dos 432 de 84 espécies já foram superados. Atualmente, apenas 61 deles estão válidos. Inclusive o do saragui.

Em 2012 Arostegui entrou para o hall da fama da IGFA. Justamente por ser obcecado por recordes. Entre junho de 1994 e setembro de 2014 ele conseguiu homologar peixes em diversas categorias pescados em 12 países.

O saragui com 0,450 g é seu recorde pessoal de “menor peixe” registrado também. E o maior? Um tubarão com 174.63 kg. Nada mal, para quem não se importa de pescar peixes realmente pequenos.

Arostegui não se importa de tentar um recorde de alguma espécie que pese pouco