7   +   1   =  

Chicote para pesca de praia

Especialista na pesca de praia, Vladimir Ferreira, explica uma nova técnica para desenvolver rotores

Por Vladimir Ferreira

Sempre utilizei nós para prender os rotores na montagem de chicote para pesca de praia. Observando alguns fóruns de pesca da Europa descobri uma forma simples para substituir os nós por cola. 

Difícil foi encontrar aqui no Brasil uma cola rápida, que não atacasse o náilon, já que por lá, eles já possuem produtos apropriados para esta finalidade e também um gabarito para fazer a montagem.

Depois de muito pesquisar consegui encontrar a cola adequada, a Tek Bond 725.

Para utilizar como gabarito foi mais simples, utilizei o tripé da ADC Sport Fishing, que possui umas travas, que a princípio foram desenvolvias para servir de varal, para deixar os chicotes reservas. Na Europa esse gabarito é conhecido como travômetro, é específico para este fim e não custam barato.

Durante o processo de colagem basta uma gotinha de cada lado das miçangas, que servem para prender os rotores. Para que a cola possa prender bem as miçangas é importante que as diferenças dos furos não sejam muito maiores que o diâmetro da linha.

O uso de alguns materiais simples permite a produção de um rotor “caseiro”