1   +   4   =  

Como usar a isca arficial spinnerbait na pesca de traíras

Este modelo de isca artificial é uma boa pedida para a pesca da espécie em diversas situações

O uso da isca spinner bait na pesca de traíras é altamente recomendável. Isto porque esta artificial reproduz uma presa em fuga ou algum invasor no território desta espécie. A traíra é uma predadora que não aceita desaforo…

Uma boa tática para que o spinnerbait fique mais produtivo na pesca de traíras é fechar o ângulo entre as lâminas e o corpo da isca para diminuir a resistência na água. Faça que ela  trabalhe mais em baixo na coluna da água.
 
Outra possibilidade para situações em que o peixe está muito lento e frear seus spinner baits é adicionar um trailer tipo twin tail grub, que vai aumentar a sua resistência na água, proporcionando ao peixe um alvo maior que venha a compensar o ataque do predador. 

Também é possível substituir a lâmina principal do spinner bait por uma de um ou dois tamanhos maiores, mas, além de ser uma operação mais trabalhosa, é mais difícil encontrar as peças para essa modificação. 

Vale lembrar que ao abrir o ângulo da haste do spinner conseguimos trabalhar o spinnerbait mais em cima na coluna da água, ideal para quando os peixes estão suspensos sobre estruturas mais fechadas. 

Muitos preferem o uso do molinete para ter facilidade no arremesso desta isca. No entanto, a carretilha também funciona. É uma questão de ajuste e de prática.

A pescaria com spinnerbait pode atrair também outros predadores presentes no local, como tucunarés ou até mesmo os black basses.

A pescaria de traíras com a isca spinnerbait é uma das mais produtivas. Aproveite!