3   +   5   =  

Cinco regras de conduta no pesqueiro

Por ser um local com grande concentração de pescadores, devemos procurar respeitar os demais para evitar constrangimentos e deixar a pescaria apenas prazerosa

Você sabia que no pesqueiro pode ganhar o status de “inconveniente” caso não siga algumas condutas? Elas, na verdade, são citadas em conversas e até então não estavam escritas. Mas nós fizemos uma compilação e apresentamos a seguir:

1 – Use uma vara comprida e “parruda” para poder mandar na briga com o peixe. Caso o equipamento seja inferior ao do exemplar fisgado, certamente ele demandará um maior esforço e poderá enroscar nas linhas dos demais pescadores, causando transtornos.

2 – Converse com o responsável pelo pesqueiro. Cada local tem sua “legislação” própria e o pescador deve respeitar.

3 – Em pesqueiro evite usar alicate de contenção. Temos risco de ferir a boca de um peixe que será fisgado diversas vezes e que, por conta de um possível mau manuseio alheio, pode agravar um ferimento. 

4 – Fique atento aos horários de funcionamento. Existem pescadores “folgados” que extrapolam o horário de fechamento e não respeitam a carga horária de trabalho dos funcionários.

5 – Quando fisgar um peixe muito grande, como tambaquis e pirararas, use luvas para manusea-las e até mesmo pano. Existem pesqueiros que oferecem equipamentos apropriados para evitar ferimentos nos peixes. 

Fique atento a sua conduta nos pesqueiros para evitar problemas e desrespeito com os demais