3   +   2   =  

Truques práticos para garantir a segurança do tubo de pesca

Faça uso desta dica para viajar um pouco mais despreocupado

Uma das grandes preocupações de quem viaja de avião para pescar é a segurança do tubo de pesca. Porque não é raro o equipamento sumir ou até mesmo chegar violado e quebrado. Existem inúmeros relatos de furtos em aeroportos e, infelizmente, o pescador fica com uma enorme dor de cabeça para conseguir ser ressarcido.

A dica muito importante é sempre usar um cadeado de boa qualidade, daqueles feitos para prender correntes! Ou, se preferir, use algum modelo mais discreto, com código, por exemplo. A função é evitar que o tubo seja aberto com facilidade por qualquer mal intencionado.

Outro detalhe é passar uma fita adesiva de maneira que prenda o cadeado junto ao tubo, para não ficar solto e balançando, e assim evitar que qualquer objeto se enrosque.

Durante o transporte no aeroporto e até mesmo durante o voo, alguma mala ou objeto pontiagudo pode acabar se enfiando no orifício do cadeado e causar algum estrago.  

Verifique se o tubo que irá empregar possui as extremidades com alguma superfície macia, à prova de impactos. Caso contrário, não deixe de fazer você mesmo algo com espuma ou até mesmo, de maneira improvisada, com bucha de banho ou de lavar louça (a parte menos porosa). Lembre-se que os equipamentos ficarão soltos, ainda que minimamente, porque os tubos estão disponíveis em tamanhos compatíveis com os das varas de pesca.

Empregue também um junta vara e se possível uma capinha. Tudo para evitar que o material sofra e acabe sofrendo danos.