3   +   2   =  

Rede de lojas de pesca fatura quase US$ 2 bilhões em três meses

Dick’s Sporting Goods, que também vende produtos esportivos em geral nos EUA, superou a expectativa de especialistas em mais de 100%; segredo está no comércio on-line

A rede de lojas de pesca e produtos esportivos em geral Dick’s Sporting Goods anunciou o seu maior faturamento trismestral desde 2013 nos EUA. Houve um acréscimo de 6% no último trimestre em comparação ao mesmo período do ano passado. Em números diretos os ganhos foram de US$ 1,96 bilhões. De acordo com a revista Angling International, o crescimento superou em mais de 100% as expectativas dos especialistas do distrito econômico de Wall Street, que previam uma expansão de 2,9%.

As vendas de comércio eletrônico aumentaram 13% e representaram 13% do total de vendas líquidas da Dick’s. Durante o período, a empresa abriu seis novas lojas Dick’s Sporting Goods e vendeu oito lojas Field & Stream ao Sportsman’s Warehouse. Em 2 de novembro, contava com 733 lojas em 47 estados dos EUA.

“Estamos muito satisfeitos com nossos fortes resultados no terceiro trimestre. Vimos aumentos tanto em tíquetes médios quanto em transações, além de crescimento em cada uma de nossas três categorias principais de linhas duras, vestuário e calçados ”, disse Edward W. Stack, presidente e CEO.

O aumento também teria se dado porque a Dick’s aprimorou seu atendimento on-line. Usuários encontram com facilidade os produtos. Além disso, a entrega fica facilitada, uma vez que a rede abriu novos centros de atendimento.

No acumulado do ano, as vendas líquidas aumentaram 3,3% em relação ao mesmo período de 2018, o que rendeu US$ 6,14 bilhões.

Faxada de uma das mais de 700 lojas da Dick’s esparramadas pelos Estados Unidos