Foto: Subsecretaria de Comunicação - MS

Quatro destinos em Mato Grosso do Sul promovem festival de pesca em 2022

Quatro municípios do estado receberão ou já receberam festivais em 2022: Três Lagoas, Bonito, Corumbá e Porto Murtinho

Os amantes de uma boa pescaria têm encontrado uma extensa programação de festivais de pesca esportiva em Mato Grosso do Sul este ano. O estado volta com tudo aos tradicionais campeonatos da modalidade após anos incertos de pandemia. Estão previstos para 2022, eventos que reúnem as melhores estruturas e equipamentos, além de profissionais de ponta, com distribuição de prêmios aos participantes. O Governo do Estado local oferece todo o suporte às iniciativas dos municípios e do trade turístico.

Quatro destinos de Mato Grosso do Sul terão ou já tiveram festivais em 2022: Três Lagoas, Bonito, Corumbá e Porto Murtinho. O torneio na cidade que faz divisa com São Paulo promoveu, de 28 a 30 de abril, a 11ª edição de um evento que atrai pescadores de vários estados. A pesca na modalidade de pesque-solte de tucunaré foi realizada nos rios Sucuriu e Paraná.

Em maio, Bonito realiza pela primeira vez o evento no distrito de Águas de Miranda (a 180 km de Campo Grande), entre os dias 13 e 15. Ainda em maio, será a vez de Corumbá, maior destino de pesca do Estado, realizar o seu festival internacional, entre os dias 20 e 22. Em Porto Murtinho, o evento acontece na última semana de outubro.

O apoio do Estado, segundo o diretor-presidente da Fundação de Turismo (Fundtur/MS), Bruno Wendling, tem uma importância muito grande para o turismo, em especial para os municípios que apresentam uma taxa alta de sazonalidade. Os quatro festivais contam com investimento da fundação no valor de R$ 300 mil.

“Os eventos auxiliam esses municípios na baixa temporada, no incremento de fluxo e ampliando a visibilidade dos destinos. O Estado implementou uma política de apoio aos eventos há cinco anos, por meio dos editais, que são hoje um sucesso total, investindo mais de R$ 7 milhões em 25 municípios que integram a nossa rota turística”, destacou.

200 mil em prêmios

O festival de Três Lagoas recebeu o apoio do Governo do Estado e teve sua abertura no lago em frente ao Balneário Municipal, com a participação de 300 equipes de Mato Grosso do Sul e outros estados. A prova principal aconteceu no domingo, com duração de oito horas.

O evento organizado pela Associação de Pesca Esportiva (APETL) teve ainda R$ 200 mil em prêmios e muitas atividades paralelas, como shows, praça de alimentação, palestras e a realização, no dia 29, do tradicional Desafio by Nelson Nakamura e do Torneio Marine de Arremessos. Os organizadores estimam que o evento reuniu pescadores de 100 cidades de 14 estados e movimentou R$ 2 milhões na economia local.

Inscrições abertas

O Festival de Pesca de Águas de Miranda integra um plano de desenvolvimento do turismo na região, que inclui reestruturação, promoção e organização do setor pela prefeitura de Bonito.  O distrito é um polo de pesca e o acesso será facilitado com a pavimentação da MS-345, obra em execução pelo Governo do Estado, que também apoia o evento.

As inscrições para categoria punica, em duplas ou trios, estão abertas (o valor é um quilo de alimento não perecível) e o número de vagas é limitado. Informações, inclusive sobre o regulamento, devem ser solicitadas pelo Whatts App (67 99629.5622) com Henrique. Serão premiados com troféus o maior Dourado; o maio peixe de couro e o maior peixe de segunda.

 “Esse é o primeiro festival de pesca do distrito e nosso objetivo é reforçar o potencial turístico da região e movimentar a economia local em períodos de baixa temporada”, destaca o prefeito bonitense Josmail Rodrigues.

O evento nem Águas do Miranda começa no dia 13 de maio, com entrega dos kits e regulamento, abertura da exposição de artesanato e praça de alimentação. Haverá oficinas de gastronomia, no Restaurante da Cida, e palestras sobre o Cerrado e a importância dos rios com a secretaria municipal de Turismo, Indústria e Comércio. A abertura oficial será às 19h30, com show na praça.

No dia 14, às 7h, terá a largada do torneio de adultos, na ponte sobre o Rio Miranda, seguindo durante o dia a programação de artesanato e gastronomia. Às 16h, será feita a apuração dos pontos dos participantes, entrega da premiação e shows regionais. No domingo, dia 15, às 7h, começa o torneio infantil, cuja premiação ocorrerá às 16h.

Em Corumbá

Promovido pela prefeitura e a Associação Corumbaense das Empresas Regionais de Turismo (ACERT), o Festival Internacional de Pesca Esportiva de Corumbá acontece entre os dias 20, 21 e 22 de maio. Vários prêmios serão sorteados entre os participantes das modalidades “Infantil” e “Adulta”, cujas seguem com inscrições abertas no site www.fipeccorumbams.com.br ou presencialmente nas fundações de Turismo e de Meio Ambiente.

Na pesca embarcada (adulta), em área a ser delimitada em frente ao porto-geral, todos os inscritos os inscritos concorrerão a um carro zero km, uma moto zero km, um barco de alumínio, dois motores de popa. Também haverá troféus para as equipes que se classificarem nas três primeiras colocações, além de um outro troféu para o competidor que pegar o maior peixe.

O valor da inscrição adulta é de R$ 300,00 (trezentos reais) por equipe ( mínimo de um participante e no máximo três). É permitido que, além dos três pescadores, a equipe conte também com um guia de pesca (piloteiro), que não poderá pescar. Conforme estabelece o edital, cada equipe receberá uma régua que deverá ser utilizada para medir os pescados e uma identificação no barco.

Entre as crianças, a prefeitura de Corumbá e a ACERT vão sortear um videogame, três celulares, 10 bicicletas, quatro TVs e três tablets. Os três primeiros colocados da categoria ainda receberão troféus personalizados do evento. Na modalidade infantil as inscrições são gratuitas e limitadas ao total de 1 mil participantes e devem ser feitas pelo site ou presencialmente nas fundações.

O Festival Internacional de Pesca Esportiva de Corumbá tem o apoio do Governo do Estado, por meio da Semagro e da Fundação de Turismo do MS, da Marinha do Brasil, Exército Brasileiro, Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros.

Informações: Subsecretaria de Comunicação (Subcom – MS)