4   +   8   =  

Como pescar tucunaré em condições climáticas ruins?

Choveu? Esfriou? Fechou o tempo? Calma que a pescaria não está perdida

Por Maicon Bianchi

Como pescar tucunaré em condições climáticas ruins? Ou seja: com chuva, muito vento, mudança de temperatura. A princípio, o planejamento da pescaria deve ser bastante minucioso, obedecendo o seguinte critério: deslocamento para locais com o maior número de opções de pesca em local abrigado. Essa escolha depende da direção do vento e da intensidade, sempre prezando ao máximo a segurança de todos dentro da embarcação.

Sempre pesque em locais em que as margens estejam mais protegidas. Caso tenha algum morro ou serra, melhor ainda. O deslocamento da embarcação será contra o vento para chegar nessas áreas. As baías protegidas são a melhor opção para fugir das ventanias e a pesca em ilhas e bicos abertos fica desfavorecida.

Em segundo lugar, ao definir o ponto de pesca. Escolha locais em que consiga utilizar o motor elétrico sempre a favor do vento e arremessar ligeiramente lateralmente a favor do vento. Esse procedimento é importantíssimo para evitar o desgaste da bateria antes do término da pescaria e também para que o arremesso seja mais preciso, com menos enroscos e cabeleiras.

Os pontos em que os arremessos ficam a favor do vento e tem a ação mais intensa. E, portanto, podem ter suas margens sujas pelo bater das ondas, devem ser evitados. As grotas fechadas e abrigadas são mais recomendadas.

Procure fazer o arremesso com cautela, já calculando a trajetória da isca com relação ao deslocamento da embarcação e à ação do vento para evitar os indesejáveis enroscos. Tome cuidado também com a barriga da linha. A estique rapidamente e faça arremessos mais baixos. Evite arremessar para trás ou contra o vento. Verifique se a linha não ficou presa e “nada” durante o arremesso.

O trabalho das iscas deve ser mais lento e pausado, de forma que dê o tempo para o peixe fazer o ataque com maior precisão. A concentração no arremesso em um local propício deve ser repetido várias vezes, para aumentar as chances dos ataques.

Na realidade, a pescaria com nessas condições fica sempre possível. O desgaste é bem maior do que na pescaria com tempo ameno e as opções que diminuem consideravelmente. Afinal, os peixes estão lá doidos para morder a sua isca!

Maicon Bianchi é insistente na pescaria de tucunaré, mesmo sob chuva e tempo “feio”