3   +   8   =  

Baleia engole e cospe mergulhador na África do Sul

Cena foi filmada por equipe de televisão que estava no local

Um mergulhador acabou engolido por uma baleia enquanto filmava um cardume de sardinhas em Port Elizabeth Harbou, na África do Sul. O cetáceo, no entanto, acabou cuspindo e o homem de 51 anos sobreviveu.

Rainer Schimpf contou aos meios locais que nem se deu conta sobre a presença da baleia. Ele acredita que o animal percebeu que não havia tentado comer um peixe. Mas sim uma “presa” inusual. Tudo foi muito rápido. E filmado.

“Quando a baleia virou de lado, ela abriu um pouco a boca para me soltar e eu fui arrastado para fora. Junto com o que parecia ser toneladas de água, de sua boca, enquanto a própria baleia engoliu todos os peixes em sua garganta”, relata.

As baleias não “atacam” mergulhadores. Mas, neste caso, o fato se deu porque havia um enorme cardume de peixes. O mergulhador entrou no pacote, por estar muito próximo. A jubarte – a espécie da baleia em questão – consomem duas toneladas de comida por dia. E pode pesar impressionantes 40 toneladas.

Schimpf não se assustou e pouco depois de ter se recuperado do susto, voltou às águas para continuar sua filmagem. “Fui sortudo. Foram segundos que me salvaram”.

A situação poderia ter sido outra se, ao invés de uma baleia, tivesse sido um enorme tubarão. Ainda que possuam dentes mais discretos, os da jubarte não foram capazes de produzir ferimentos que fizessem o mergulhador sangrar.

Outro detalhe é que Schimpf teve sorte. As jubartes são saltadoras. Se o exemplar optasse por executar um movimento típico de se comportamento, talvez ele teria se ferido.

Assista a cena: