5   +   1   =  

Tirando do enrosco com as mãos

Técnica da “estilingada” é eficiente, mas você deve ter cuidados

Por Rodrigo Amaral

Quando pescamos os tucunarés nas pauleiras é comum que a isca artificial se prenda em alguma estrutura. Ou ainda: se estamos no mangue, atrás dos robalos, se dá o mesmo. O enrosco é algo comum em qualquer pescaria.

Para retirar a isca do enrosco uso um truque muito simples e eficiente: a famosa estilingada.

Segure a linha com uma das mãos e com a outra tencionando e soltando rapidamente, fazendo o movimento de um estilingue. Desta forma, você vai preservar o equipamento. Porque não vai usá-lo para forçar o desenrosco.

Outro detalhe importante: se estiver usando linha multifilamento, o emprego de uma luva irá ajuda-lo. Afinal, a multi tem uma capacidade corte impressionante e pode provocar sérias lesões nas mãos.

E, por fim, cuidado ao conseguir desenroscar a isca. O “efeito estilingue” pode fazer com que a isca volte com tudo em direção a seu corpo ou de algum companheiro. Logo, esteja atento e não deixe usar boné/chapeú e óculos para proteção.

A técnica da estilingada é uma boa pedida para desenroscar a isca artificial