2   +   4   =  

Garfada produtiva na pesca ao curimba

Item caseiro é recomendado para ajudar na mistura da massa e também no processo de iscar

Por Juninho

Quem opta pela pesca de curimba costuma preparar uma boa massa. É com ela que as capturas são garantidas. Para isso, muitos recorrem a uma receita bem simples. Basta misturar farinha de trigo com água do próprio rio num recipiente. Até dar aquela “liga”. Esta isca é conhecida como “meleca”. Existem diversas receitas aqui na página da Pesca & Companhia.

No entanto, para o trato chegar a uma boa consistência durante a mistura, precisamos de um acessório compatível. Alguns recorrem a um pedaço de pau, ou até mesmo um galho encontrado. Pode ser também algum outro item caseiro, como colher de pau.

Mas numa pescaria aprendi com um especialista na espécie, meu amigo Sininho, de Barretos (SP), que descartar as duas pontas laterais do garfo é uma boa pedida. O item de cozinha se torna um excelente misturador.

Além disso, com o garfo, também podemos enrolar a “meleca” no anzol durante a pescaria.

Enfim, o garfo adaptado se torna uma excelente ferramenta para o pescador. Tenha pelo menos um disponível em sua tralha quando partir em busca da espécie.