4   +   2   =  

Tralha para pescar piraputanga no Pantanal

Espécie é bastante apreciada pelos visitantes dos rios pantaneiros; esteja preparado

A pescaria de piraputanga no Pantanal é muito comum. A escolha da tralha, por sua vez, deve ser caprichada. Ela pode ser capturada com iscas naturais ou artificiais. Vai do gosto de cada um.

A piraputanga é uma espécie bastante arisca. Aqui vale ter um equipamento de ação moderada a rápida para linhas de 14 ou 17 lb, de 5´6´´ a 6´ com carretilha ou molinete pequenos abastecidos de linhas linhas finas de multifilamento que são mais sensíveis (algo em torno de 20 a 30 lb).

Os anzóis menores podem facilitar a fisgada, já que se acomodam melhor na boca da piraputanga. Não se esqueça de usar um empate de aço flexível pequeno para garantir que os dentes afiados do “alvo” não cortem a linha. e ficar um tanto quanto mais distante dos cardumes.

Com artificiais

Para esta prazerosa pescaria use uma vara leve, com comprimento entre 5’3” a 6´, para linhas de até 17, para ter um melhor trabalho de colheres, spinners e iscas de meia água, dê preferência paras modelos de até 8 cm. A linha pode ser a multifilamento de 20 a 30 lb. As garateias devem estar bem. Alterne os trabalhos e veja se o seu engodo está na profundidade mais adequada para provocar o ataque.

A pescaria de piraputanga é uma das prediletas dos visitantes do Pantanal